Conheça os perfis da Busca Ativa Escolar

A Busca Ativa Escolar envolve diversos(as) atores/atrizes sociais – estejam eles(as) ligados(as) aos governos municipal ou estadual, ou às organizações da sociedade civil organizada. Cada profissional tem um importante papel na estratégia e, por consequência, na implementação da metodologia e da ferramenta tecnológica que dão vida a ela. Conheça aqui o perfil desses(as) profissionais e as funções atribuídas a eles(as).

Gestor(a) Político(a)

  • GP
Gestor(a) Político(a)

Função

Liderar o processo de articulação política da Busca Ativa Escolar. É o(a) gestor(a) político(a) quem convoca secretarias e organizações da sociedade civil para formar o comitê gestor da Busca Ativa Escolar; garante o trabalho intersetorial; analisa e propõe políticas a partir dos diagnósticos gerados; realiza encaminhamentos que possam resultar na (re)matrícula das crianças e adolescentes do município que estejam fora da escola.

Perfil

Ter conhecimento e experiência em gestão pública; capacidade de liderança e de articulação; acesso ao(à) prefeito(a); entrada em secretarias de diferentes políticas públicas; e facilidade de comunicação.

Temas Relacionados

Coordenador(a) Operacional

  • CO
Coordenador(a) Operacional

Função

Elaborar e acompanhar a execução do Plano de Ação e a implementação de todas as atividades da Busca Ativa Escolar. É este(a) profissional quem coordena o trabalho da equipe; conduz as reuniões intersetoriais; configura e acompanha a plataforma; e, juntamente com o(a) gestor(a) político(a), realiza as articulações necessárias para a resolução dos casos.

Perfil

Ter liderança para coordenar a equipe em encontros de formação; capacidade de mediar discussões e fazer encaminhamentos; facilidade de comunicação oral e digital; conhecimento da realidade do município e da estrutura da administração pública.

Temas Relacionados

Supervisores(as) Institucionais

  • SI
Supervisores(as) Institucionais

Função

Realizar a gestão dos casos para encaminhamento aos diversos serviços públicos. É ele(a) quem acompanha o trabalho dos(as) profissionais de campo nas secretarias ou demais órgãos; designa visita dos(as) técnicos(as) verificadores(as); e monitora os casos sob sua supervisão. Também participa do planejamento e das reuniões intersetoriais.

Perfil

Ter conhecimento técnico referente à sua área de atuação, ao funcionamento da secretaria e à administração pública como um todo; capacidade de articulação e de coordenação de grupos; e facilidade de comunicação.

Temas Relacionados

Técnicos(as) Verificadores(as)

  • TV
Técnicos(as) Verificadores(as)

Função

Fazer a visita domiciliar às famílias das crianças e adolescentes que estejam fora da escola a fim de realizar pesquisa detalhada; produzir análise técnica sobre os casos encontrados; e sugerir os encaminhamentos necessários a serem feitos pela Administração.

Perfil

Conhecer técnicas de abordagem familiar; ter clareza sobre a necessidade de sigilo e discrição quanto aos dados coletados e situações vislumbradas; possuir, preferencialmente, formação acadêmica em áreas voltadas ao serviço social e ao atendimento comunitário, tais como assistência social, psicopedagogia, psicologia, orientação educacional etc.

Temas Relacionados

Agentes Comunitários(as)

  • AC
Agentes Comunitários(as)

Função

Identificar, nos territórios onde atua, crianças e adolescentes que estão fora da escola, e emitir alertas sobre essas situações.

Perfil

Conhecer bem o território em seus aspectos socioculturais e econômicos; ter bom relacionamento com a comunidade; zelar para que a abordagem familiar seja realizada com sigilo, ética e respeito. Pode ser profissional da Administração Pública ou de organizações da sociedade civil, como liderança comunitária ou religiosa; agente de saúde; agente de endemias; visitador(a) do Programa Criança Feliz; assistente social do CRAS ou CREAS; profissional de escola, entre outros.

Temas Relacionados